Escudo de la República de Colombia
Sistema Nacional de Biliotecas - Repositorio Institucional Universidad Nacional de Colombia Biblioteca Digital - Repositorio Institucional UN Sistema Nacional de Bibliotecas UN

Evolução e acúmulo de c-co2 em diferentes sistemas de produção agroecológica

Loss, Arcangelo and de Lima Moraes, André Geraldo and Pereira, Marcos Gervasio and Ribeiro da Silva, Eliane Maria and Cunha dos Anjos, Lúcia Helena (2014) Evolução e acúmulo de c-co2 em diferentes sistemas de produção agroecológica. Acta Agronómica; Vol. 62, núm. 3 (2013); 242- 250 2323-0118 0120-2812 .

Texto completo

[img]
Vista previa
PDF
270kB
[img] HTML
37kB

URL oficial: http://revistas.unal.edu.co/index.php/acta_agronom...

Resumen

A evolução de C-CO2 por meio da atividade microbiana do solo pode ser utilizada como parâmetro para evidenciar diferenças em sistemas de produção agroecológica. Este trabalho teve como objetivo avaliar a atividade microbiana do solo por meio da evolução de C-CO2 (carbono mineralizável) oriundo da respiração dos microorganismos sob diferentes sistemas de produção. Foram selecionadas cinco áreas:cultivo de figo; consórcio maracujá – Desmodium sp.; cultivo de milho/feijão, com preparo convencional (PC) do solo; cultivo de berinjela/milho, em sistema plantio direto (PD) e um sistema agroflorestal (SAF). Foram coletadas amostras de solo nas profundidades de 0-0.05 m e 0.05 - 0.10 m, sendo avaliada a evolução de C-CO2 em laboratório e o acúmulo de C-CO2 durante 37 dias. Logo após a incubação, todos os sistemas avaliados apresentaram picos de C-CO2, com variações desses picos mais acentuadas até o 9º dia. Aos 21 dias verificou-se a estabilização da atividade microbiana. O cultivo de figo acarretou em maiores picos de evolução de C-CO2 e, também maiores acúmulos ao final dos 37 dias. A área cultivada sob PD manejado agroecologicamente apresentou menor acúmulo de C-CO2. O PC do solo acarretouem menores picos de C-CO2 em 0.05-0.10 m., The C-CO2 evolution via soil microbial activity can be used as a parameter to highlight differ-ences in agroecological production systems.  This work aimed to evaluate the microbial activity of soil through the evolution of C-CO2 (mineralizable carbon) from the respiration of microor-ganisms under different production systems.  Was selected five areas: cultivation of fig; passion fruit consortium - Desmodium sp.; cultivation of corn/beans, with conventional tillage (CT) of the soil, cultivation of eggplant/corn under no-tillage (NT) and agroforestry system (AFS).  Soil samples were collected at depths of 0.0 - 0.05 and 0.05 - 0.10 m, and was assessed microbial activity (C-CO2 evolution in the laboratory) and the accumulation of C-CO2 for 37 days.  Soon after hatching, all systems evaluated showed peaks of C-CO2, with variations of these peaks more pronounced until the 9th day of evaluation.  At 21 days there is stabilization of microbial activity.  Growing fig resulted in higher peaks of C-CO2 evolution, and also higher accumulations at the end of the 37 day trial. The acreage under NT agroecological showed lower accumulation of C-CO2. The conventional tillage resulted in lower peak C-CO2 at a depth of 5-10 cm., A evolução de C-CO2 por meio da atividade microbiana do solo pode ser utilizada como parâmetro para evidenciar diferenças em sistemas de produção agroecológica. Este trabalho teve como objetivo avaliar a atividade microbiana do solo por meio da evolução de C-CO2 (carbono minera-lizável) oriundo da respiração dos microorganismos sob diferentes sistemas de produção. Foram selecionadas cinco áreas: cultivo de figo; consórcio maracujá – Desmodium sp.; cultivo de mi-lho/feijão, com preparo convencional (PC) do solo; cultivo de berinjela/milho, em sistema plantio direto (PD) e um sistema agroflorestal (SAF). Foram coletadas amostras de solo nas profun-didades de 0-0.05 m e 0.05 - 0.10 m, sendo avaliada a evolução de C-CO2 em laboratório e o acúmulo de C-CO2 durante 37 dias. Logo após a incubação, todos os sistemas avaliados apre-sentaram picos de C-CO2, com variações desses picos mais acentuadas até o 9º dia. Aos 21 dias verificou-se a estabilização da atividade microbiana. O cultivo de figo acarretou em maiores picos de evolução de C-CO2 e, também maiores acúmulos ao final dos 37 dias. A área cultivada sob PD manejado agroecologicamente apresentou menor acúmulo de C-CO2. O PC do solo acarretou em menores picos de C-CO2 em 0.05-0.10.

Tipo de documento:Artículo - Article
Palabras clave:Carbono mineralizável, microorganismos, respiração, sistemas agroecológicos, Carbono mineralizável, microorganismos, respiração, sistemas agroecológicos, Agroecology systems, microorganisms, mineralizable carbon, respiration
Unidad administrativa:Revistas electrónicas UN > Acta Agronómica
Código ID:36271
Enviado por : Dirección Nacional de Bibliotecas STECNICO
Enviado el día :02 Julio 2014 13:26
Ultima modificación:18 Agosto 2014 21:28
Ultima modificación:18 Agosto 2014 21:28
Exportar:Clic aquí
Estadísticas:Clic aquí
Compartir:

Solamente administradores del repositorio: página de control del ítem

Vicerrectoría de Investigación: Número uno en investigación
Indexado por:
Indexado por Scholar Google WorldCat DRIVER Registry of Open Access Repositories OpenDOAR Metabiblioteca BDCOL OAIster Red de repositorios latinoamericanos DSpace BASE Open archives La referencia Colombiae Open Access Theses and Dissertations Tesis latinoamericanas CLACSO
Este sitio web se ve mejor en Firefox